Inicial > Carteira, Operações, Oportunidades > Atualização semanal – 07/11/2016

Atualização semanal – 07/11/2016

Novas entradas (compras) ocorridas essa semana:

SEER3 a R$21,09.

Nenhum ajuste de stop.

Stop atingido: MDIA3 a no stop inicial.

Nenhuma oportunidade de entrada para essa semana.

Minha carteira atual:

Data Entrada Dir. Ação Period. Estratégia Variação
12/05/2016 C RADL3 Position Rompimento Semanal 17,53%
12/07/2016 C FLRY3 Position Rompimento Semanal 38,05%
17/10/2016 C FLRY3 Position Rompimento Semanal -3,23%
17/10/2016 C SAPR4 Position Rompimento Semanal 7,57%
01/11/2016 C SEER3 Position Rompimento Semanal 0,52%

Bons trades!

Rodrigo Sibin Lichti

Obs: As informações colocadas aqui são simplesmente meus registros pessoais, não são recomendações de investimentos para outras pessoas. Não sou profissional certificado de investimentos e não posso orientar nenhuma pessoa a comprar ou vender determinado ativo. Os comentários e respostas para os leitores são simplesmente trocas de idéias entre investidores.

Anúncios
  1. 5 de novembro de 2016 às 9:31

    Rodrigo , só mais uma observação . Na sua posição montada de FLRY3, cabria entrada atrasada ? Abraços

    • 5 de novembro de 2016 às 9:42

      Bem, supondo que por falha operacional eu tivesse esquecido de deixar a ordem de start de compra no Home Broker, o preço tivesse pegado no start e depois caído, que é o caso de agora, eu colocaria sim uma nova ordem de start de compra no preço original (R$ 40,75). Então se você estiver pensando em comprar eu acho que seria uma alterativa válida sim. O que complicaria é se fosse uma entrada atrasada de os preços tivessem disparado pra cima.
      Abraços!

  2. Clesio
    5 de novembro de 2016 às 11:58

    Rodrigo, aproveitando a pergunta do Sérgio, quanto a compras atrasadas, por exemplo, eu perdi a compra da USIM5 há mais de uma semana a R$4,05, e ela acabou disparando, tanto que chegou a subir 11,3% em um dias, nos dias seguintes chegando a máx de R$4,83, porém como os últimos dias a Bovespa no geral caiu, ela agora está a R$3,88, porém sem atingir o nível de Stop. Eu mesmo já comprei algumas ações que voltaram ao preço de rompimento. Como faz anos que você está no trading, estas operações “atrasadas” te dão resultado na mesma média das compras que faz no rompimento, ou a maioria havia perdido a tendência? Pois analisando as ações que tiveram as melhores tendências no meu sistema, depois de romperem, estas não voltam mais ao preço de rompimento, tem algumas quedas durante o caminho até a venda, mas no início se comportam muito bem. Desculpa o tamanho da mensagem. Abraço.

    • 6 de novembro de 2016 às 10:08

      Fala Clesio!
      Então, quando perco a oportunidade entrada por algum motivo, sempre fico com a pulga atrás da orelha se compro depois ou não. Se o preço está abaixo da entrada, é mais fácil porque coloco uma ordem de compra no preço original, se bater eu entro, se reverter eu nem compro. Mas se ela da primeira vez já rompeu e caiu, tem uma chance maior dela bater de novo e cair entrando em uma consolidação. Agora se o preço estiver acima da do preço de entrada, eu posso colocar ordem no book para comprar no ponto original, porém os preços vão estar em tendência de queda no curtíssimo prazo para fazer os preços voltarem, então a inércia intradia ou até diária será de queda. Pode ser só um repique da tendência de alta principal, ou não, pode ser uma reversão de queda e entrar bem na direção contrária indo já pro stop.
      Eu nunca fiz um estudo maior para ver a estatística desses casos, se compensa ou não, e qual o percentual de acerto de retomada do movimento anterior e tudo mais. Eu também tenho essa percepção que você disse, as ações mais fortes quando rompem não voltam, então essas você tem certeza que já perdeu, a estatística já estará contra você. Se você comprar atrasado, ou estará pegando a que dará stop ou uma que subirá mas não é tão forte.
      Mas na real eu sempre fico desconfortável com esse tipo de abordagem, principalmente pro Swing trade. No position eu fico menos, principalmente numa tendência forte de alta, aconteceu várias vezes de eu perder o ponto de entrada e comprar no dia ou semana seguinte, mas aí é independente do preço. Mas normalmente não fugiu muito da entrada em 1-2% pra cima ou pra baixo. Se o preço estourou pra cima, aí perderia o bonde.
      O ideal é sempre ficar atento as oportunidades para entrar no momento certo. Nesse caso da USIM5, se for para swing, o timing já passou, eu esperaria um novo ponto de entrada pelo seu modelo pois ela fez 4 dias fortes de queda. Para position é de se pensar, mas também acho que já teve um movimento muito relevante para cima e para baixo, talvez considerar uma nova entrada considerando essa nova pernada. Ou também esquecer essa e ver outras oportunidades em vários outros papéis da bolsa.
      No fim a decisão esse dilema é individual, cada um vai decidir o que se sente mais confortável, uma vez que não está seguindo o modelo originalmente propriamente dito, o certo seria fazer um teste no modelo desconsiderando a primeira entrada e ver o que acontece.
      Abração e bons trades!
      Rodrigo

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: